Energia Limpa

Energia Limpa: o que é e quais os tipos

Também conhecida como energia verde ou energia renovável, a energia limpa se refere, basicamente, a uma geração energética que não lança poluentes na atmosfera (ou quase nada), e é produzida a partir de recursos naturais que são reabastecidos naturalmente, como o sol, vento, água e outros. Isso não quer dizer que não existam impactos ambientais para produzi-la. O fato é que, se houver, esses impactos serão substancialmente menores quando comparados às consequências da geração energética oriunda dos combustíveis fósseis. Dessa forma, a energia limpa é uma alternativa que visa alinhar aspectos econômicos, sociais e ambientais.

Tipos de Energia Limpa

      . Energia Solar:

     A energia solar é o recurso energético mais abundante da Terra.  O sol pode ser capturado e usado de várias maneiras e, como fonte de energia renovável, é uma parte importante para o futuro da energia limpa. A energia proveniente do sol pode ser capturada com várias tecnologias, principalmente painéis solares. Nesse sentido, o “efeito fotovoltaico” é o mecanismo pelo qual os painéis solares de silício aproveitam a energia do sol e geram eletricidade, sendo assim, uma ótima opção para lugares onde não há a tradicional rede elétrica.

      . Energia Eólica:

    Obtida a partir do vento, é uma fonte de energia renovável limpa e facilmente disponível. A geração de energia eólica desempenha um papel cada vez mais importante na maneira como alimentamos nosso mundo – de maneira limpa e sustentável. Assim, as turbinas eólicas nos permitem aproveitar o poder do vento e transformá-lo em energia. Quando o vento sopra, as pás da turbina giram no sentido horário, captando energia. Isso aciona o eixo principal da turbina eólica, conectado a uma caixa de engrenagens dentro da barquinha, para girar. Desse modo, a caixa de velocidades envia essa energia eólica para o gerador, convertendo-a em eletricidade. Assim, a eletricidade gerada é conduzida para um transformador, onde os níveis de tensão são ajustados para coincidir com a rede.   

      . Energia Hidrelétrica:

     A energia hidrelétrica, também chamada de hidroeletricidade, é uma forma de energia que aproveita o poder da água em movimento para gerar eletricidade. Essencialmente, a ideia é a mesma da energia eólica: a força mecânica gerada pelo deslocamento da água é convertida em eletricidade com a ajuda de turbinas específicas.

       . Energia Geotérmica:

     Oriunda do magma, que pode ser encontrado a menos de 65 quilômetros da superfície da Terra, a energia geotérmica usa o calor das profundidades para evaporar a água e conduzir esse vapor até uma turbina que, ao girar, produz energia elétrica.

        . Energia Nuclear:

Energia nuclear é a energia no núcleo de um átomo. Os átomos são minúsculas unidades que compõem toda a matéria do universo, e é a energia que mantém o núcleo unido. Desse modo, há uma enorme quantidade de energia no núcleo denso de um átomo. Sendo assim, a energia nuclear pode ser usada para gerar eletricidade, porém, deve primeiro ser liberada do átomo, em um processo denominado de fissão nuclear, no qual os átomos são divididos para liberar essa energia.

. Biocombustíveis:

 Essa fonte de energia é gerada através de material orgânico, como por exemplo, pallets de madeira, aparas de grama, esterco, resto de alimentos, dentre outros, que são transformados em biomassa e, através disso, tornam-se possíveis de  gerar energia. Além disso, a cana de açúcar e o milho também são bastante utilizados para gerar biocombustíveis.

Deixe uma resposta